quarta-feira, 23 de agosto de 2017

O MILAGRE DA RESSURREIÇÃO DE UM BEBÊ POR SANTA JOANA DARC E SUA HUMILDADE.





Um evento curioso aconteceu durante a estadia de Santa Joana D`Arc em Lagny. Numa manhã, um grande grupo de mulheres chegou à residência de Joana. A porta-voz do grupo explicou: "As meninas da cidade se reuniram em nossa igreja. Elas estão lá para rezar pela restauração da vida a uma criança que nasceu morta, para que ela possa ter tempo de, ao menos, receber o Batismo e possa ser enterrada em um terreno consagrado. Você viria se juntar a nós na igreja? "



Quando chegou lá, encontrou quinze donzelas já reunidas em oração. Joana, não querendo incomodá-los, ocupou seu lugar na parte de trás do grupo. 







As meninas colocaram o bebê no pedestal que apoiava a estátua de Nossa Senhora da Boa Ajuda. A criança estava magra, seu corpo frio estava de cor preta. Se a vida retornasse, seria um milagre!  

Joana estava ajoelhada rezando e ficou lá por duas horas, até que as donzelas da primeira fila começaram a ofegar.  O bebê bocejou três vezes e a cor de sua pele começou a ficar clara. Uma das mulheres correu para chamar o padre. Quando o padre viu que a vida realmente havia retornado ao corpo do pequeno, ele ficou atordoado, mas, no entanto, imediatamente batizou a criança. Pouco tempo depois, o bebê morreu novamente e  foi enterrado em solo consagrado. 





Santa Joana d`Arc explicou essa história para seus juízes em seu julgamento"É verdade", disse Santa Joana d`Arc, "que as donzelas da cidade estavam todas reunidas na igreja rezando para que a criança voltasse à vida e fosse batizada. É também verdade que eu fui e rezei com elas. A criança abriu os olhos e a boca umas duas ou três vezes, foi batizada e voltou a morrer.".

O que impressiona é a humildade de Santa Joana d`Arc. Ela não atribui nenhum milagre a si mesma, nunca se sentiu melhor que os outros. Buscou cumprir com sua missão divina sem nunca sentir-se "a ungida", "a Santa", diferente do que vemos muitos que se dizem cristãos fazer hoje, que marcam até dia e hora para fazerem milagres e vivem em função do dinheiro para a "igreja".







 Quando, em seu jardim, aos 13 anos, Joana ouviu uma voz ,através da percepção extrasensorial , falando com ela e relatou que ouviu isso com tanta clareza como se houvesse outra pessoa de pé lá, mas tudo o que via era uma luz brilhante que acompanhava a voz. Santa Joana disse que era o Arcanjo Miguel, enviado a ela em uma missão de Deus, mas nem pediu dinheiro ao Rei, nem roupas caras. Ela pediu só um exército e roupas de soldado para lutar por seu povo.


O Arcanjo Miguel disse a Joana para viver uma vida fiel e santa. Ele disse a ela que era importante servir a Deus, que ela poderia confiar que Deus a guiaria e  a ajudaria a cada passo de sua missão.

O Arcanjo Miguel falou e, muitas vezes, apareceu a Joana.  Muitas vezes , disse ela - também apareciam duas Santas, Santa Catarina de Alexandria e Santa Margarida , as quais São Miguel disse que Deus havia designado para ajudar Joana como mentoras espirituais até que ela estivesse pronta para cumprir a missão que Deus lhe tinha dado:  defender seu país na batalha.






Quando Joana protestou contra o Arcanjo e as Santas que ela não podia fazer o que eles diziam que Deus a chamou para fazer, eles responderam: "É Deus quem o ordena" e assegurou-lhe que Deus iria capacitá-la e dar-lhe a confiança que ela precisava, se ela continuasse confiando nele todos os dias.





Embora Joana não tivesse treinamento militar, ela desfrutava de um tremendo sucesso na batalha, e creditou-o ao Arcanjo Miguel, orientando suas estratégias de batalha. Ela disse que São Miguel também lhe deu informações sobre eventos específicos que aconteceriam no futuro e as profecias do Arcanjo tornaram-se realidade, convencendo outras pessoas a apoiar a missão de Joana.

Quando foi condenada capturada e condenada pelos ingleses a ser executada na fogueira em maio de 1431, Santa Joana comentou: "Morro por falar o idioma dos anjos ".

Ela assinou uma declaração de recapitulação parcial para evitar ser queimada e passar a vida na prisão, mas depois,  recuperou sua coragem, anulou a declaração, dizendo que ela havia assinado apenas "com medo do fogo".

 Santa Joana reafirmou que as vozes que a guiaram eram de Deus e foi queimada em uma estaca em 30 de maio de 1431 depois de fazer um discurso em que expressou o perdão para as pessoas que a acusaram. 
Morreu enquanto olhava para um crucifixo invocando o nome de Jesus.  
Até então Santa Joana d`Arc não tinha entendido os planos de Deus que incluía seu martírio. Ela poderia ter morrido na prisão ou quem sabe fugido, ou ficado na prisão da Igreja, que era mais confortável que a prisão do rei da Inglaterra, mas ela escolheu dar o testemunho de sua fé. Ela preferiu morrer lutando pelo o que acreditava, que as vozes que ouvia tinham vindo de Deus. 




De fato, as Santas apareceram para ela na prisão e diziam que ela seria liberta e salva em breve.
No começo, Joana achou que seu rei a salvaria, mas a libertação e salvação que chegou para Joana não foi a de seu rei.
 As Santas falavam da libertação da alma do seu corpo mortal e da salvação do único Rei dos Céus, Jesus Cristo, que disse:

"...quem der testemunho de mim diante dos homens, também eu darei testemunho dele diante de meu Pai que está nos céus."
Mateus 10, 32.

Santa Joana é um grande exemplo de coragem, fé , e amor a Jesus, uma grande heroína católica da História Mundial.























Fonte : Livro "Joan of Arc "de Margaret Oliphant

domingo, 20 de agosto de 2017

SALMO DA RAINHA MARIA ASSUNTA - SALMO 44 - ASSUNÇÃO DA VIRGEM MARIA



Salmo 44 -

À vossa direita se encontra a rainha, a Virgem Maria,
Com veste esplendente do sol e da lua.


Transborda um poema do meu coração; 
vou cantar-vos, ó Rei, Meu Senhor e Meu Deus
esta minha canção; 
minha língua é a pena de um ágil poeta.

 Sois tão belo, Jesus, o mais belo entre os filhos dos homens!
Vossos lábios espalham a graça, o encanto!
O Senhor Deus, para sempre, nos deu sua bênção. 

 Levai vossa Cruz de glória no flanco, * 
herói valoroso, no vosso esplendor; 
 saí para a luta num carro de nuvens
em defesa da fé, da justiça e verdade! 

Vossa mão nos ensine valentes proezas, 
vossa Palavra aguda converta os povos * 
e firam no seu coração o inimigo! 

Vosso trono, ó Deus, é eterno, é sem fim; 
vossa Cruz Gloriosa é sinal da Fé, nos anima!
Vós amais a justiça e odiais a maldade. 

É por isso que Deus nos ungiu com seu óleo,
deu-nos mais alegria com seu Santo Espírito.
Vossos sete dons exalam preciosos perfumes. 

No celeste palácio, os anjos vos louvam.
E os Santos e Santas vêm ao vosso encontro, 
– e à vossa direita se encontra a Rainha, Maria ,
com veste esplendente do sol e da lua.



 Escutai, Ó Maria, olhai, ouvi isto: 
Não Esqueçais vosso povo e a vossa Igreja 
Deus se encanta com vossa beleza! 
Prestai-lhe homenagem: é Nosso Senhor! 

O Povo Devoto vos traz seus presentes, 
os grandes do povo vos pedem favores. 
 Majestosa, Nossa Senhora  vem chegando, 
vestida do sol resplendente como ouro. 

 Em vestes vistosas ao Rei se dirige,
e as virgens Santas lhe formam cortejo; 
 entre cantos de festa e com grande alegria, 
foi elevada, assunta, ao reino celestial.

Renunciastes ao mundo e, hoje, tens muitos filhos;  
fareis deles os reis soberanos da terra. 
 Cantarei vosso nome de idade em idade, 
para sempre haverão de louvar-vos os povos!

– Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo. * 
Como era no princípio, agora e sempre. Amém. 








Obs: Esta é uma oração baseada no Salmo 44 (45).

sábado, 19 de agosto de 2017

SANTOS PADROEIROS - LISTA COM NOME RELACIONADO A SUA PROTEÇÃO






ASSIM COMO OS ANJOS, OS SANTOS TAMBÉM ORAM POR NÓS E NOS AJUDAM COM SUAS ORAÇÕES:


  "8 Logo que tomou o livro, os quatro seres viventes e os vinte e quatro anciãosprostraram-se diante do Cordeiro, tendo cada um deles uma harpa e taças de ouro cheias de incenso, que são as orações dos santos. "

(Apo 5,8) 


 NO APOCALIPSE, JOÃO DIZ QUE CADA IGREJA TEM UM ANJO QUE A PROTEGE:

" AS SETE ESTRELAS SÃO OS ANJOS DAS SETE IGREJAS
(APO 1,20)


E, NO EVANGELHO, JESUS NOS DIZ QUE OS SANTOS SÃO COMO OS ANJOS:

"30 Na ressurreição, os homens não terão mulheres nem as mulheres, maridos; mas serão como os anjos de Deus no céu."
 (Mt 22,30)

Os Santos já estão na glória 
(Apo 6, 9-11), (Apo 7, 9-15) , mas aguardam a Ressurreição no dia do juízo final , (1 Ts 4,16), (Jo 6,39-40. 44.54;11,24). 


Apesar de aguardarem a ressurreição dos mortos no último dia, já gozam com Cristo de sua glória (Apo 7,15) e partilham de seu poder e seu governo com seus anjos (Apo 5,8) , daí intercedem por nós (Apo5,8. 6,10), pois diz a escritura, que já passaram pela primeira ressurreição (o batismo): 


12 tendo sido sepultados com ele no batismo, no qual também fostes ressuscitados pela fé no poder de Deus, que o ressuscitou dentre os mortos;(Cl 2,12)

1 Se, pois, fostes ressuscitados juntamente com Cristo, buscai as coisas que são de cima, onde Cristo está assentado à destra de Deus.(Cl 3,1)





 A CADA UM É DADO DEFENDER UM ASPECTO OU UM A CIDADE OU UMA PESSOA, ISSO DEPENDE DE QUEM O INVOCA, DA ESCOLHA QUE O DEVOTO (OU DEVOTOS)  FAZ / FAZEM.

ALGUNS OUTROS TRECHOS DE TEXTOS BÍBLICOS:

Estas duas orações foram ouvidas ao mesmo tempo, diante da glória do Deus Altíssimo; 25 e um santo anjo do Senhor, Rafael, foi enviado para curar Tobit e Sara, cujas preces tinham sido simultaneamente dirigidas ao Senhor.
TOBIAS 3,24


Eu sou o anjo Rafael, um dos sete que assistimos na presença do Senhor.  TOBIAS 12, 15

13 (anjo)  chefe do reino persa resistiu-me durante vinte e um dias; porémMiguel anjo), um dos principais chefes, veio em meu socorro. Permaneci assim ao lado dos reis da Pérsia.
DANIEL 10,13

Naquele tempo, surgirá Miguel, o grande chefe, o protetor dos filhos do seu povo. Será uma época de tal desolação, como jamais houve igual desde que as nações existem até aquele momento. Então, entre os filhos de teu povo, serão salvos todos aqueles que se acharem inscritos no livro.
DANIEL 12,1

 Ao anjo da igreja de Éfeso, escreve: Eis o que diz aquele que segura as sete estrelas na sua mão direita, aquele que anda pelo meio dos sete candelabros de ouro.
APOCALIPSE 2,1


ABAIXO ALGUNS SANTOS EM ORDEM ALFABÉTICA E AS CAUSAS PELAS QUAIS COSTUMAM SER INVOCADOS E PROTEGER:







SANTOS E SANTAS -  DATA-  PADROEIROS - PROTETORES - PATRONOS

Nossa Senhora da Saúde 20/04 Protetora dos doadores de sangue

Nossa Senhora de Guadalupe 12/12 Protetora da América Latina

Nossa Senhora Aparecida 12/10 Protetora do Brasil

Reis Magos: Baltazar, Gaspar e Melquior 06/01 Protetor dos Astrofísicos

Santa Águeda 05/02 Protetora dos seios e da amamentação


Santa Ana e São Joaquim 26/07 Protetores dos avós, dos caseiros, das costureiras, contra a esterilidade, ajuda no parto

Santa Apolônia 09/02 Protetora dos dentistas


Santa Bárbara 04/12 Protetora dos bombeiros, contra raios, tempestades, queimaduras, febre e morte repentina; protetora dos militares, dos trabalhadores das minas e fogueteiros

Santa Batilde 30/01 Protetora de pessoas com cólica e diarréia

Santa Bibiana ou Viviana 02/12 Protetora das pessoas com epilepsia

Santa Brígida 23/07 Padroeira dos terapeutas

Santa Brígida de Kildare 01/02 Padroeira dos leiteiros

Santa Catarina de Alexandria 25/11 Protetora dos estudantes, dos filósofos, dos bibliotecários, dos ciclistas, dos moribundos, contra a morte repentina, contra o aborto e contra acidentes de trabalho

Santa Catarina de Sena 29/04 Protetora de Pessoas com dores de cabeça; contra incêndio e dos estilistas

Santa Cecília 22/11 Protetora dos músicos, dos poetas

Santa Dinfna 15/05 Padroeira dos loucos, epiléticos, endemoninhados, possessos e sonâmbulos

Santa Edwiges 16/10 Protetora dos endividados

Santa Efigênia 21/09 Protetora das casas

Santa Francisca 22/12 Protetora dos emigrantes

Santa Genoveva 03/01 Protetora das vitimas da fome, das secas e das enchentes, dos tapeceiros

Santa Inês 21/01 Protetora das meninas adolescentes

Santa Isabel da Hungria 17/11 Protetora de Pessoas com dor de dente, doenças do coração

Santa Joana DÁrc 30/05 Padroeira dos soldados

Santa Lídia 03/08 Padroeira dos tintureiros

Santa Ludovina de Sheidmam 14/04 Padroeira dos patinadores 


Santa Luzia 13/12 Protetora dos olhos, dos oculistas, dos eletricistas 

Santa Maria Madalena 22/07 Padroeira dos pedicuros, dos perfumistas, das prostitutas 

Santa Marta 29/07 Protetora das donas de casa, dos hoteleiros , garçons 

Santa Maura de Troyes 21/09 Protetora das lavadeiras 

Santa Mônica 27/08 Protetora das mães que rezam pela conversão de um(a) filho(a); protetora das esposas maltratadas 

Santa Paula 26/01 Protetora das viúvas 

Santa Paulina 09/07 Protetora dos doentes com câncer 

Santa Pelágia 08/10 Protetora das atrizes 

Santa Rita de Cássia 22/05 Casos impossíveis; desentendimentos na família 

Santa Rosa de Lima 23/08 Protetora das floristas 

Santa Teresinha de Ávila 15/10 Protetora dos professores, de pessoas com doenças no coração 

Santa Úrsula 21/10 Padroeira das professoras 

Santa Valburga 25/02 Protetora contra a fome 

Santa Verônica 12/07 Protetora dos fotógrafos 

Santa Zita 27/04 Protetora das empregadas domésticas, das pessoas que perderam chaves 

Santo Adriano 08/09 Protetor dos carcereiros e dos ferreiros 

Santo Afonso de Ligório 01/08 Protetor de pessoas com reumatismo 

Santo Agostinho 28/08 Protetor de pessoas com doenças nos olhos e nos ouvidos; protetor dos editores e gráficos 

Santo Alberto Magno 15/11 Protetor dos cientistas 

Santo Aleixo 17/07 Padroeiro dos mendigos 

Santo André 30/11 Patrono dos peixeiros 

Santo Antão 17/01 Protetor dos animais domésticos e das pessoas com furúnculos e dos coveiros 

Santo Antônio 13/06 Auxilio das pessoas que desejam encontrar o seu amor, dos casais, dos namorados e das pessoas que procuram objetos perdidos ou pessoas desaparecidas; protetor de pessoas com febre 

Santo Antônio Maria Claret 24/10 Patrono dos livreiros 

Santo Atanásio 02/05 Protetor dos confeccionistas 

Santo Egídio 01/09 Protetor das mães que amamentam; protetor de pessoas com medo; das pessoas com hanseníase, padroeiro dos veterinário 

Santo Elígio (Elói) 01/12 Protetor dos ourives, mecânicos, pelos que trabalham com metal, ferreiros, seleiros, ferradores, carroceiros e garagistas 

Santo Estevão 26/12 Protetor das pessoas com cálculos renais 

Santo Expedito 19/04 Auxílio nas causas urgentes, protetor dos militares, dos candidatos a motorista 

Santo Honorato 16/05 Padroeiro dos doceiros e padeiros 

Santo Humberto 03/11 Contra a raiva; padroeiro dos caçadores, guardas florestais e protetor dos cachorros 

Santo Inácio de Loyola 31/07 Protetor das pessoas que se submetem a cirurgias 

Santo Isidoro de Quio 15/05 Protetor dos lavradores, dos trabalhadores do campo 

Santo Isidoro de Sevilha 04/04 Protetor dos historiadores 

Santo Ivo 19/05 Protetor dos advogados 

Santo Onofre 12/06 Protetor contra o vício do álcool 

Santo Urbano 19/12 Padroeiro dos vinicultores 

São Baldomero 27/02 Padroeiro dos ferreiros e chaveiros 

São Bartolomeu 24/08 Protetor dos açougueiros 

São Benedito 05/10 Protetor dos cozinheiros e cozinheiras, dos negros 

São Bernardino de Sena 20/05 Padroeiro dos publicitários 

São Bento 11/07 Protetor contra as tentações; de pessoas com envenenamentos, de pessoas com doenças na pele 

São Bernardo de Claraval 20/08 Protetor de pessoas com epilepsia e doenças nervosas; protetor dos apicultores 

São Bernardo de Mentone 28/05 Padroeiro dos Alpinistas 

São Brás 03/02 Protetor de pessoas com os males de garganta; protetor dos cabeleireiros e pessoas que sofrem da queda de cabelo 

São Camilo de Lélis 14/07 Protetor dos enfermos e profissionais da saúde 

São Carlos Barromeu 04/11 Protetor dos catequistas 

São Casimiro 04/03 Padroeiro dos alfaiates e costureiros 

São Columbano 09/06 Padroeiro dos poetas 

São Cosme e Damião 26/09 Protetor dos barbeiros, farmacêuticos 

São Crispim e Crispiniano 25/10 Padroeiro dos sapateiros 

São Cristóvão 25/07 Padroeiro dos motoristas 

São Damaso 11/12 Protetor dos Arqueologistas 

São Demétrio 08/10 Padroeiro dos militares 

São Dimas 25/03 Protetor dos agentes funerários 

São Dustano de Catulária 19/05 Protetor dos Serralheiros 

São Fiacre 30/08 Protetor das pessoas som sífilis, hemorróidas, doenças do reto; úlceras e verrugas; protetor dos jardineiros, taxistas, fabricantes de boné e horticultores 

São Francisco de Assis 04/10 Protetor dos animais, da ecologia 

São Francisco de Sales 24/01 Protetor dos jornalistas e escritores 

São Francisco Xavier 03/12 Padroeiro do turismo 

São Gabriel Arcanjo 29/09 Protetor dos comunicadores, dos filatelistas, das telefonistas 

São Gelásio 21/11 Padroeiro dos palhaços 

São Genésio 25/08 Protetor dos comediantes e dos escrivães 

São Gil 01/09 Padroeiro dos pasteleiros 

São Gregório Magno 03/09 Protetor dos cantores 

São Guido 12/09 Protetor dos carroceiros, cocheiros e dos cavalos 

São Jerônimo 30/09 Patrono das secretárias, dos tradutores 

São Jerônimo Emiliano 08/02 Protetor das crianças órfãs 

São João Batista 24/06 Protetor contra doenças infantis; protetor da amizade, dos modistas 

São João Batista de La Salle 07/04 Patrono dos professores 

São João Berchmans 13/08 Padroeiro dos coroinhas 

São João Bosco 31/01 Patrono do cinema, das escolas de artes e ofícios 

São João Crisóstomo 13/09 Protetor locutores 

São João Evangelista 27/12 Padroeiro dos Químicos, teólogos 

São João Francisco Régis 16/06 Protetor de pessoas com gripes e resfriados 

São João Nepomuceno 16/05 Protetor de pessoas com doenças na boca e na língua 

São Jorge 23/04 Protetor dos cavaleiros e dos escoteiros 

São José 19/03 Protetor das famílias, dos trabalhadores, dos carpinteiros, marceneiros, mestre de obra e administradores 

São José de Cupertino 18/09 Protetor dos aviadores, astronautas e dos estudantes em véspera de exame 

São Judas Tadeu 28/10 Protetor das pessoas em situações de desespero, dos funcionários públicos 

São Justino 01/06 Protetor dos filósofos 

São Leonardo de Noblac 06/11 Padroeiro dos prisioneiros, vendedores de água, fabricantes de cadeia, de cepos, de fechos e afins. É invocado contra bandidos. Invocado pelas parturientes para ter um parto indolor 

São Lourenço 10/08 Protetor dos arquivistas, dos pobres 

São Lucas 18/10 Protetor dos médicos, dos pintores, artesãos e dos escultores 

São Ludovico 25/08 Protetor das pessoas com tuberculoses 

São Luiz Gonzaga 21/06 Protetor dos doentes com AIDS 

São Luís IX 25/08 Protetor dos cabeleireiros 

São Marcos 25/04 Padroeiro dos vidraceiros 

São Mateus 21/09 Protetor dos contabilistas e banqueiros 

São Mauricio 22/09 Padroeiro dos tecelões 

São Miguel Arcanjo 29/09 Protetor dos padeiros , confeiteiros, vendedores ambulantes e pára-quedistas 

São Nicolau 06/12 Protetor dos marinheiros, estivadores e das crianças 

São Pancrácio 12/05 Protetor de pessoas com doenças dos pulmões; protetor de crianças doentes 

São Paulo 25/01 Protetor contra picadas de serpente e outros animais peçonhentos; de pessoas com surdez. 

São Pedro 29/06 Protetor dos pescadores, dos porteiros 

São Pedro Damião 21/02 Protetor de pessoas com insônia e enxaquecas 

São Policarpo 23/02 Padroeiro dos locatários 

São Rafael Arcanjo 29/09 Protetor dos Olhos 

São Roque 16/08 Protetor dos cães 

São Sebastião 20/01 Protetor dos presos, dos arqueiros, de pessoas com feridas, pestes e doenças contagiosas. 

São Teobaldo 30/06 Protetor dos carvoeiros 

São Tiago 25/07 Padroeiro dos vendedores de sapato 

São Tomás de Aquino 28/01 Protetor de pessoas com doenças do estômago e do fígado; protetor dos universitários 

São Tomé 03/07 Protetor dos pedreiros, arquitetos e cegos 

São Valentim 14/02 Protetor dos namorados e intercessor de amores perdidos 

São Venceslau 28/09 Protetor dos corais e da cidade de Boêmia 

São Vicente 22/01 Protetor dos donos de bares 

São Vicente Ferrer 05/04 Padroeiro dos churrasqueiros 

São Vito 15/06 Protetor dos atores 

São Zenão de Verona 12/04 Protetor dos bebês 

sexta-feira, 18 de agosto de 2017

SÃO JOÃO EUDES - APÓSTOLO DOS CORAÇÕES DE JESUS E DE MARIA - 19 DE AGOSTO





São João Eudes fundou a Congregação de Jesus e Maria e a Congregação de Nossa Senhora da Caridade do Bom Pastor “Irmãs do Bom Pastor”. 

Na segunda metade do século XVI, viveu em Ri, na Normandia, filho de um certo Isaac Eudes. Ele era o que se poderia chamar de pequeno agricultor. Ele se casou com Marta Corbin. Quando, depois de dois anos de casados, ainda não tinham filhos, o casal fez uma peregrinação até um santuário de Nossa Senhora, ali próximo, e nove meses mais tarde nasceu um menino. A seguir, tiveram mais cinco filhos. O primogênito nasceu no dia 14 de novembro de 1601, foi batizado com o nome de João e teve uma infância exemplar.

Inicialmente, estudou no Colégio Real de “Dumont”, em Caen, dos padres jesuítas. Nos intervalos das aulas, costumava ir à capela rezar, deixando as brincadeiras para o segundo plano. 





Na adolescência, por sua grande devoção a Maria, secretamente consagrou-se a ela. Depois, sentindo sua vocação religiosa, foi aconselhado a terminar os estudos antes de ordenar-se sacerdote.

Em 1623, com o consentimento dos pais, foi para Paris, onde ingressou na Congregação do Oratório, sendo recebido pelo próprio fundador, o cardeal Pedro de Bérulle. Dois anos depois, recebeu sua ordenação, dedicando-se integralmente à pregação entre o povo. Pleno do carisma dos oratorianos, centrados no amor a Cristo, e de sua especial devoção a Maria, passou ao ministério de pregação entre o povo. Visitou vilas e cidades de Île de França, Bolonha, Bretanha e da sua própria região de origem, a Normandia.

Nessa última, quando, em 1627, ocorreu a epidemia da peste, João percorreu quase todas, principalmente as vilas mais distantes e esquecidas. Como sensível pregador, levou a Palavra de Cristo, dando assistência aos doentes e suas famílias. 







Nunca temeu o contágio. Costumava dizer, em tom de brincadeira, que de sua pele até a peste tinha medo. Mas temia pela integridade daqueles que viviam à sua volta, que, ao seu contato, poderiam ser contagiados.

Por isso não entrava em casa e à noite dormia dentro de um velho barril abandonado ao lado do paiol. Inconformado com o contexto social que evoluía perigosamente, no qual as elites dos intelectuais valorizavam a razão e desprezavam a fé, João Eudes, sabendo interpretar esses sinais dos tempos, fundou, em 1643, a Congregação de Jesus e Maria com um grupo de sacerdotes de Caen que se uniram a ele. 






A missão dos eudianos é a formação espiritual e doutrinal dos padres e seminaristas e a pregação evangélica inserida nas necessidades espirituais e materiais do povo. Além de difundir, por meio dessas missões, a devoção aos sagrados corações de Jesus e Maria.

Seguindo esse pensamento, também fundou a Congregação Nossa Senhora da Caridade do Refúgio, para atender às jovens que de desviavam pelos caminhos da vida e às crianças abandonadas.

 A Ordem deu origem, no século XIX, à Congregação de Nossa Senhora da Caridade do Bom Pastor, conhecida como as Irmãs do Bom Pastor.







Com os seus missionários, João dedicou-se à pregação de missões populares, num ritmo de trabalho simplesmente espantoso. As regiões atingidas pelo esforço dos seus missionários foram aquelas que mais resistiram ao vendaval antirreligioso da Revolução Francesa.

Coube a João Eudes a glória de ter sido o precursor do culto da devoção dos sagrados corações de Jesus e de Maria. 






Para isso, ele próprio compôs missas e ofícios, festejando, pela primeira vez, com um culto litúrgico do Coração de Maria em 1648, e do Coração de Jesus em 1672. Hoje, essas venerações fazem parte do calendário da Igreja.

Morreu em Caen, norte da França, no dia 19 de agosto de 1680, deixando uma obra escrita de grande valor teológico pela clareza e profundidade. Foi canonizado pelo papa Pio XII em 1925. A festa de são João Eudes comemora-se no dia de sua morte.






Oração :
“Dai-nos, Senhor, pela intercessão de São João Eudes, a graça da devoção aos Santos Corações de Jesus e Maria. Concedei-nos, por sua intercessão, o auxílio de que necessitamos. Amém. São João Eudes, rogai por nós.”







ORAÇÃO 

Senhor nosso Deus, 
que Vos dignastes escolher o presbítero São João Eudes para anunciar as insondáveis riquezas do mistério de Cristo, concedei-nos que, 
seguindo o seu exemplo e os seus ensinamentos, 
conheçamos cada vez melhor a vossa verdade
 e vivamos fielmente à luz do Evangelho. 
Por Nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho, 
que é Deus convosco na unidade do Espírito Santo. 
Amém!









LEITURA (Ef 3, 14-19): 
«Conhecer o amor de Cristo, que ultrapassa todo o conhecimento» 

Leitura da Epístola do apóstolo São Paulo aos Efésios 

Irmãos: Eu dobro os joelhos diante do Pai, de quem recebe o nome toda a paternidade nos céus e na terra, para que Se digne, segundo as riquezas da sua glória, armar-vos poderosamente pelo seu Espírito, para que se fortifique em vós o homem interior e Cristo habite pela fé em vossos corações. Assim, profundamente enraizados na caridade, podereis compreender, com todos os santos, a largura, o comprimento, a altura e a profundidade do amor de Cristo, que ultrapassa todo o conhecimento, e assim sejais totalmente saciados na plenitude de Deus. 

Palavra do Senhor. 
Graças a Deus!






SALMO RESPONSORIAL Salmo 130 (131), 1.2 e 3 
Refrão: Guardai-me na vossa paz, Senhor. 
Ou: Guardai-me junto de Vós, na vossa paz, Senhor. 

Senhor, não se eleva soberbo o meu coração, 
nem se levantam altivos os meus olhos. 
Não ambiciono riquezas, 
nem coisas superiores a mim. 

Antes fico sossegado e tranquilo, 
como criança ao colo da mãe. 
Espera, Israel, no Senhor, 
agora e para sempre. 








Leitura:

Do Tratado de São João Eudes, presbítero, 
sobre o admirável Coração de Jesus 

(Lib. 1, 5: Opera Omnia 6, 107.113-115) (Sec. XVII) 

Fonte de salvação e de vida verdadeira 

Rogo-te que penses em Nosso Senhor Jesus Cristo como tua verdadeira Cabeça e em ti como um dos seus membros. Ele é para ti como a cabeça para os membros. 
Tudo o que é d’Ele é teu: o seu espírito, o seu coração, o seu corpo, a sua alma e todas as suas faculdades. Deves usar de todas elas como se fossem realmente tuas, para servir, louvar, amar e glorificar a Deus. Tu és para Ele como um membro em relação à cabeça; e por isso também Ele deseja ardentemente servir Se de todas as tuas faculdades como se fossem suas, para servir e glorificar o Pai. 
Cristo não somente é para ti, mas quer também estar em ti, viver e dominar em ti, como a cabeça vive e reina nos seus membros. Quer que tudo quanto n’Ele existe viva e domine em ti: o seu espírito no teu espírito, o seu coração no teu coração, todas as faculdades da sua alma nas faculdades da tua alma, de modo que se realizem em ti aquelas palavras: Glorificai e trazei a Deus no vosso corpo, e a vida de Jesus se manifeste em vós. 
E tu não somente és para o Filho de Deus, mas deves estar n’Ele tal como os membros estão na cabeça. Tudo quanto há em ti deve ser inserido n’Ele e d’Ele deves receber a vida e por Ele ser governado. Fora d’Ele não encontrarás a vida verdadeira, porque Ele é a única fonte de vida verdadeira; fora d’Ele não encontrarás senão morte e perdição. 
Seja Ele o único princípio dos teus movimentos, acções e energias da tua vida; deves viver d’Ele e por amor d’Ele, para que em ti se cumpram estas palavras: Nenhum de nós vive para si mesmo e nenhum de nós morre para si mesmo; se vivemos, vivemos para o Senhor, e se morremos, morremos para o Senhor. Portanto, quer vivamos quer morramos, pertencemos ao Senhor. De facto, Cristo morreu e ressuscitou para ser o Senhor dos mortos e dos vivos. Tu és, por conseguinte, uma só coisa com Jesus, como os membros são uma só coisa com a cabeça; e por isso deves ter com Ele um só espírito, uma só alma, uma só vida, uma só vontade, um só pensamento, um só coração. E Ele deve ser o teu espírito, o teu coração, o teu amor, a tua vida, enfim, deve ser tudo para ti. Todas estas grandezas do cristão têm a sua origem no Batismo, crescem e robustecem se pela Confirmação e pelo bom exercício das outras graças que Deus lhe comunica e que têm o seu mais perfeito complemento na sagrada Eucaristia.